logo

O marketing digital maximiza os lucros e divulga a empresa com eficiência para o seu público-alvo.

Conheça os nossos serviços:

Criação de Sites

Domínios e Hospedagem

Publicação e Geolocalização

Anúncios Online

Contato AZ Sites
Para mais informações, entre em contato conosco e tire suas dúvidas. Estamos à disposição.

(11) 4693-3799

atendimento@azsites.com.br

Guararema - SP

(11) 4693-3799

Guararema - SP

Top

Maioria das empresas já concluiu uma venda a partir da geração de leads (negócios) em redes sociais

Maioria das empresas já concluiu uma venda a partir da geração de leads (negócios) em redes sociais

A maioria (55%) das empresas norte-americanas concretizou alguma venda a partir da geração de leads em redes sociais. Dados do estudo “2011 State of Digital Marketing Report” ainda mostram que, dentre os sites de redes sociais, os comerciantes registraram o melhor desempenho no Facebook, com uma parcela de 40,7% afirmando ter realizado uma venda fruto de um lead gerado neste site, enquanto 20% afirmam o mesmo para o LinkedIn ou Twitter.

O estudo também mostra que mais da metade (68,4%) dos comerciantes afirma fazer uso de leads produzidos em sites de rede social, com o Facebook novamente se posicionando na liderança (47%), seguido por LinkedIn (34.8%) e Twitter (33.8%).

No entanto, quando os dados são segmentados por profissionais do marketing B2B (Business-to-business) e B2C (Business to Consumer) os resultados se diferem. Enquanto o Facebook gerou 73% de todos os leads dos profissionais do marketing B2C, à frente do Twitter (40%) e LinkedIn (12%), ele aparece em segundo como maior gerador de leads online para profissionais B2B, com 44,6% afirmando que o LinkedIn foi o mais eficaz neste quesito, seguido pelo Facebook (35,1%) e Twitter (31,6%).

Curiosamente, dentre os profissionais de marketing B2B, 35,3% afirmam nunca ter gerado um lead no Facebook ou Twitter.

O sucesso apresentado pelos profissionais do marketing B2C com a geração de leads no Facebook pode ser explicado pelo número de atividades que realizam neste site. A maioria (75,3%) destes profissionais afirma que sua empresa se relaciona com maior intensidade no Facebook, ultrapassando por uma grande margem os 8,4% que afirmam o mesmo para o Twitter. O LinkedIn não obteve um bom resultado neste quesito (6,2%), com um percentual inferior – inclusive – aos que afirmam não utilizar redes sociais.

Apesar de o LinkedIn ter sido apontado como o maior gerador de leads online entre os profissionais de marketing B2C, apenas 25,3% afirmam que sua marca é mais ativa neste site, o que o posiciona atrás do Facebook (34,6%) e Twitter (25,6%)..

Mais da metade (60%) dos comerciantes que participaram do estudo planejam aumentar seus orçamentos para o marketing em redes sociais no próximo ano, parcela superior aos que pretendem aumentar o montante investido em Search Engine Optimization (53,1%) e em anúncios Pay Per Click (Custo por Clique) (40,2%). Enquanto isso, um pequeno grupo planeja diminuir os investimentos em SEO (Search Engine Optimization) e redes sociais, com aproximadamente 10% afirmando a intenção de gastar menos com PPC.

Fonte: http://ecommercenews.com.br/noticias/pesquisas-noticias/maioria-das-empresas-ja-concluiu-uma-venda-a-partir-da-geracao-de-leads-em-redes-sociais

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.